blog CLUB FIT

acelerando mais o metabolismo

Acelerando ainda mais o metabolismo

O metabolismo nada mais é do que o funcionamento do corpo. A taxa metabólica se refere às quebras de nutrientes, absorção deles, como o corpo os utiliza e assim por diante. Quanto mais rápido todos esses processos acontecem, mais energia é necessária e, justamente por isso, quanto mais rápido o metabolismo, mais rápida a perda de peso.

Sim, o segredo para um gasto energético mais rápido e acelerar o metabolismo. Isso vale especialmente para quem tem mais de 30, pois a taxa metabólica costuma cair, tornando mais fácil acumular gordura e mais difícil emagrecer.

E como acelerar o metabolismo do corpo? É justamente sobre isso que falaremos agora. Veja dicas incríveis que vão ajudá-lo!

Faça exercícios de alta intensidade

Exercícios intensos, ou seja, aqueles exercícios que são feitos rapidamente e em pouco tempo, são excelentes para aumentar o metabolismo, especialmente a taxa metabólica basal. Essa taxa basal representa a energia necessária que precisamos para fazer as nossas atividades mais básicas como pensar, respirar, manter o coração batendo e assim por diante.

Assim, exercícios como Cross e corrida intervalada, além de lutas, são ótimas opções para manter o metabolismo elevado.

Desenvolva músculos

Quanto mais músculos você tiver, mais energia será consumida. Afinal de contas, cada fibra muscular precisa de energia para fazer todos os movimentos do dia a dia. Por isso, se você pratica musculação e se alimenta com uma quantidade ideal de proteína diariamente, conseguirá construir músculos facilmente. Por consequência, eles precisarão de mais energia e, dessa forma, o seu metabolismo ficará mais acelerado.

Beba água gelada

Sabia que durante o inverno nós gastamos mais energia para manter as funções básicas do corpo? Isso porque todo o metabolismo funciona em uma temperatura ótima, que é de 37°. E durante o frio, o corpo precisa trabalhar mais para se manter com essa temperatura ótima e, por isso, o metabolismo acelera. Mas você não precisa esperar o clima frio chegar. Você pode reduzir a temperatura do seu corpo ingerindo água gelada com maior frequência. Além de gastar calorias mais rapidamente, ainda se mantém hidratado.

Aumente a ingestão de proteínas

Além de ajudar na construção de músculos, as proteínas são ótimas aliadas para quem precisa acelerar o metabolismo. Ao contrário dos carboidratos, as proteínas possuem uma cadeia molecular complexa e, por isso, ela é mais difícil de ser quebrada para, por fim, se transformar em aminoácidos e ser absorvida pelo organismo. Isso quer dizer que o corpo gasta mais energia para metabolizar as proteínas e por isso comer carnes, pasta de amendoim, ovos e outros alimentos ricos nesse nutriente ajuda a acelerar a taxa metabólica.

Movimente-se mais

O nosso corpo é a melhor máquina do mundo e está em constante busca pela eficiência, ou seja, fazer tudo o que precisa fazer gastando menos energia. E, se o seu cérebro entende que a maior parte do seu dia é sentado, então, ele fará com que pouca energia seja utilizada para manter as suas funções. Resumindo, a taxa metabólica cai e as chances de ganhar peso são maiores.

Se a sua rotina é ficar sentado em frente do computador a maior parte do dia, uma boa opção é ficar de pé durante os intervalos. Além de aumentar o metabolismo, também reduz as chances de dores na coluna e doenças articulares.

Gostou dessas dicas? Assine a nossa newsletter e receba outras que o ajudarão a cuidar melhor da sua saúde!

Algumas pessoas estão praticando exercícios com a intenção de perder peso, outras de ganhar massa muscular, outras buscam definição e assim por diante. Por isso, estão buscando a atividade física ideal para cada objetivo e, nesse contexto, podemos pensar em exercício aeróbicos e anaeróbicos.

A principal diferença entre os dois tipos é que os aeróbicos são para atividades de longa duração e utilizam oxigênio, já o anaeróbico não usa oxigênio e, por isso, são indicados para práticas de curta duração.

Quer saber um pouco mais sobre o assunto e escolher qual é o melhor tipo de exercício para o seu objetivo? Então, continue com a leitura!

Exercícios aeróbicos

Quando se fala em exercícios aeróbicos logo vem à mente a corrida, aula de jump e outros exercícios do tipo. O fato é que para esse tipo de exercício o oxigênio é extremamente importante, afinal de contas, sem a presença desse gás é impossível que alguns substratos sejam produzidos e assim, não haverá energia suficiente para que o músculo trabalhe.

É por isso, por exemplo, que em uma corrida temos mais dificuldade de respirar quando comparado, por exemplo, à musculação. É por isso também que os exercícios aeróbicos estão intimamente ligados ao desempenho do sistema cardiopulmonar: o pulmão precisa realizar as trocas gasosas o mais rápido possível (transformar gás carbônico que entra nos pulmões em oxigênio) enquanto o coração precisa trabalhar mais para levar esse oxigênio para o tecido muscular por meio da corrente sanguínea.

Esses exercícios são aqueles de longa duração, que podem ser de leves a moderados e que movimentam todo corpo ao mesmo tempo: caminhada, corrida, natação, boxe e outros.

Exercícios anaeróbicos

Pela própria nomenclatura já podemos imaginar que os exercícios anaeróbicos são aqueles que não precisam de oxigênio. Assim, a energia utilizada para praticar os exercícios não depende da presença de oxigênio. Aqui, trata-se de exercícios curtos e de alta intensidade como a musculação e o treino HIIT. Os exercícios são mais vigorosos e, normalmente, envolvem carga extra, além da produção de ácido lático, algo que não acontece nos aeróbicos.

Qual opção escolher?

Bom, não existe um exercício melhor que outro e sim um que seja compatível com o seu objetivo e as suas necessidades. Por exemplo, se o seu objetivo é perda de gordura, o mais indicado são os exercícios aeróbicos, que conseguem metabolizar a gordura para transformá-la em energia. A musculação, quando feita de maneira intensa, com treinos curtos, também consegue promover a perda de gordura (leva mais tempo), ao mesmo tempo que cria massa muscular.

Além disso, uma alimentação compatível é imprescindível. 70 a 80% do sucesso está diretamente relacionado com o que você come. Portanto, uma dieta de acordo com as necessidades é essencial. Por exemplo, é bom colocar doses de carboidrato complexo para aguentar o ritmo de um treinamento aeróbico e boas doses de proteína para reparar as microlesões causadas pela musculação.

O mais importante é não ficar sedentário. Escolha um tipo de exercício que você tenha mais prazer em fazer e inicie os seus treinos com acompanhamento profissional!

POPUP

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO

Segunda a sexta 05h00 às 00h00
Sábado 08h00 às 17h00
Domingo 09h00 às 13h00
Feriados 09h00 às 13h00

ENDEREÇO

Avenida Juscelino Kubitschek, 133 S/C Anápolis – GO

TELEFONE

CONTATO

Deixe seus dados que entraremos em contato

loading...

ClubFit Academia – Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Melhor Klick

Scroll Up